segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Mensagem em um Website de um Banco Europeu

Due to the current financial market turbulence in the last few weeks we have experienced a significant reduction in secondary market liquidity in hedge fund, real estate and commodities certificates. Hence, the quotation (*) for some of these certificates may not reflect the actual value of the underlying. - Sep 26, 2008

When reviewing your report (**), please note the following: Due to the current development of the international financial markets, there is no pricing available for some assets and instruments . Therefore and for the time being, all those assets and instruments are stated as 0 (zero). The prices indicated may deviate from the actual price. - Sep 19, 2008

Nota: a ênfase é minha.

(*) cotações dos ativos das aplicações financeiras do correntista do banco
(**) resumo das aplicações financeiras do correntista do banco

Dica: em bancos europeus deixe sua grana em conta corrente, sendo que em alguns países o seu depósito a vista (diferentemente do Brasil) é remunerado a uma taxa baixa, porém o seu risco é o banco e não um ativo tóxico, e se o seu banco estiver ok, você dormirá tranquilo.

6 comentários:

Sandor Tucakov Caetano disse...

Leio seus posts diariamente e parabéns pelo blog.

Fiquei bem curioso com a fonte desse post, tem como colocar?

um abraço


Sandor
www.giuocopiano.blogspot.com

Fact Finder disse...

KB, suspeito que esse "mismatch" esteja ocorrendo em várias bolsas de derivativos.
Na sexta estava analisando os contratos em aberto da CBOE e as faixas de maior concentração de puts e calls simplesmente refletem uma grande confusão do mercado. A volatilidade do underlying fez explodir bid-ask spreads e derrubou liqüidez.

aguia disse...

KB:
ainda bem que a FDIC deve proteção até 250 mil pilaS$ às vítimas de Bankruptcy; o que não evitou as corridas até agora já verificadas e prontamente abafadas; BUT, o pior é que AINDA não se sabe exatamente o real e exato tamanho do buraco, digo, do diagnóstico para estabelecer a terapêutica precisa; nem para a turma já na UTI, nem pro pessoal da fila de espera; tanto no caso da bolhona das Mortgages que já acarretou tantos Foreclosures; quanto na tal merda ainda não exposta dos DERIVATIVOS, ESTA COISA "EXÓTICA", como vc bem disse... pois se "mecherem" nesta bosta de meio quatri, 770 bi é gorgeta...
pô!!!... isso é questão de SAÚDE financeira mundial que tá com jeito de AIDS que mesmo diagnosticavel, se e quando, ainda não há cura real e eficaz di$$$ponivel A VI$$$TA.
Por isso ando tão revoltadamente optimista, pensando, eu e meus botões se de ouro ou prata ou sei lá o Q.
[ ]ão

FACT:

venho falando, tipo matraca velha, do tamanho e da complexidade (eufemismo meu para bagunça) dos tais Derivativos no MFI, em que usaram e 'abusaram' da alavanca de Arquimedes; ao ponto de, hoje, nem se saber mais quem é quem e o Q é o Q, no meio desta lambança de troca-troca e esconde-esconde... só sei que em todo jôgo de esconder a varinha, sempre há quem sente uma baita dor no final da brincadeira!

divinha QUEM?

[ ]idem.

KB disse...

Sandor Tucakov Caetano

Em meus textos eu faço questão de informar a fonte dos dados que eu apresento.

Mas em relação à informação do comentário acima não dá para fornecer a fonte.

Posso lhe assegurar que eu vi essa mensagem na tela da máquina de um conhecido meu, quando eu fui visitá-lo.

KB

Samuel Ramos disse...

Alguém ouviu por aí a palavra proibida?

Bank run?

smarca disse...

Vou colocar aqui meu comentário para não ficar muito lá embaixo, afinal esse blog está ficando cada vez maior ...

Vejamos: a Sadia se meteu em um "enrosco cambial" e a coisa veio à tona na sexta passada, com direito a notícia relevante e tudo o mais, certo?

A Aracruz também, ainda na sexta.

E a Votorantim idem, tudo bem, é meio dona da Aracruz.

E a Perdigão idem.

Todas na sexta passada, no mesmo dia, com diretorias, conselhos e acionistas diferentes pelo mesmo motivo: "enrosco cambial". Incrível!

Finalmente, complementando, parece que todas as empresas da Carteira
Teórica do Ibovespa (não acompanho ações que não fazem parte dela), com apenas um único dia de atraso, hoje, parece que sucumbiram também ao famigerado "enrosco cambial".

Nunca vi tamanha coincidência em minha vida!

Hehehe.