sexta-feira, 6 de março de 2009

Será que os fundamentos e o Gráfico estão em acordo?

Começo essa postagem dizendo que nem sei que sorte é essa que eu dei de estar aqui, porque o nível das análises dos amigos é simplesmente bom demais. Os comentários gráficos são bons demais. Dá até dó de postar, e entrar em cima dos posts do Bob e do Seagull logo abaixo. Aliás, se não leu ainda, pare de ler este meu post, desça um pouco, vai valer à pena.

Mas aqui vai: pelo que li aqui, os preços estão dizendo que podem cair mais. E eu não duvido nada.
Aliás, a figura da cunha postada pelo Seagull é desoladora.

Por outro lado, tô achando que o mundo não vai acabar dessa vez.

E lá pra perto dos 30.000 pontos, fica barato no nível de 2002. Isso porque hoje já temos um punhado de small e mid-caps com P/L´s abaixo de 5 e segurando os lucros crise adentro. E outra coisa ainda mais importante que temos: large-caps de qualidade (lede: vale, gerdau, itaú, bradesco, ambev) com preços baratos demais perto da sua qualidade.

Se tem uma coisa que aprendi nessa vida é a não desprezar a "barateza" de um bradesco com P/L abaixo de 7.

Então se eu li direito, a análise do Bob me dá um rebote antes de mais queda, e os fundamentos são comparáveis aos do fundo anterior, com folga de uns 30% abaixo de hoje, se for o caso.

Mas parece que o gráfico admite um new low bem mais baixo que isso. E a discrepância tá aí.

Finalmente, minhas crenças atuais são:
1. Não duvido de queda abaixo dos 30.000, seja em 2009 ou 2010;
2. Aposto no MARASMO citado pelo Águia. Nada disso vai acontecer rápido.

5 comentários:

Seagull disse...

Mestre Lafa,

Só tenho que agradecer muito pela sua generosidade.

A gente tenta melhorar, vai trocando figurinhas e uma hora acaba acertando.

Tudo é muito empírico, sugestivo e incerto, afinal estamos falando de renda variável.

Longe de mim ser um "purista". Dou minhas rabiscadas, aprecio demais os gráficos, mas minha formação é mesmo matemática (e em mercado).

Gostaria muito de poder palpitar também (com propriedade) sobre os números - que são, claramente, de seu pleno domínio. Mas do que isso, a interpretação das entrelinhas naquilo que não fica explícito nos balanços.

Apesar dos meus longos anos na lida (entre idas e vindas, desde 1984), realmente não tenho o skill que gostaria para tecer opiniões com bases fundamentalistas. Sou apenas um grande interessado e curioso.

Enfim, o que aprendi, e tenho prazer em compartilhar, é que fazendo usando da ferramenta certa na hora adequada, podemos ser mais bem sucedidos.

Mas seja qual for o apoio para nossa tomada de decisão, a maior virtude de um trader (ou investidor), a me ver, está na boa gestão do capital e no controle de risco.

Em nome de todos, obrigado pelas aulas de valuation. No país dos insiders, quem trabalha - e consegue ganhar de forma lícita - tem realmente seus méritos!

Abs ^v^

Fact Finder disse...

Laffa, a história mostra que charts nunca estão de acordo com fundamentos. Preços oscilam tremendamente em torno do que se convém chamar "preço-justo".

Pequeno Aprendiz disse...

MESTRE LAFA:

continuo achando seus posts o maximo e tenho a impressao que nao devemos ficar pessimistas demais (...apenas).

ja comprei Vale, em mais de um dos tais 'marasmos , pos-bear comedor de boi capao, a 1/20 (isso mesmo: UM VINTE AVOS = 5%, para quem ler e puder pensar que errei na digitacao, tamanha a aberracao).

seguinte:

quase sempre, apos uma queda profunda, no preco de mercado (nao confundir com Valor Real), certas acoes hiperalavancadas e que na realidade nem ativos sao [(e sim, putas passivos ilusorios, maquiados em Balancos Simples e enfiados guela abaixo de sardas, patos e viuvas que nem sabem da existencia dos Demonstrativos Consolidados (lembra?)]...

ahi, ne, sopra um vento sombrio, frio e arrepiante, nas areias semi-desertas da praia bursatil e...

o market das small (raras excecoes a parte) PERDE A LIQUIDEZ!!!

e ai, caro amigo, como sabemos, nao adianta querer dar ordem de venda braba e cheia de empafia, tipo mandando tudo a merda e com valentia ate demais pra encarar o preju...

NAO TEM COMPRADOR... simplesmente lhe diz o mercado e lhe vira as costas, indiferente as suas bravatas e ao seu desespero...

pior ainda, quando o weak hand, tendo dado uma de Soros e comprado os tubos em TERMOS, recebe aquela alentadora mensagem da sua fiel e leal - alem de solidaria pra karai - CORRETORA, avisando que ta na hora e COBRIR MARGEM...

ja assisti caso do cara perder tudinho...ate a familia.

e dai?

dai que - papel sempre sera papel e por mais barato que possa parecer, eh, na verdade, uma 'coisa' impressa; e muitas vezes so os deuses sabem como e com que lastro contabil ou habil - quando a bolseta girar na esquina dos 14 KG, vera que ali tem uma puta muralha, BUT... amassando barro como esta... sei nao.

so sei que nada sei (com dizia Socrates me plagiando).

bracao e rsrs.

Bob disse...

Não aceitarei elogios se não comentares mais suas idéias sobre small caps. Sou simplismente ligado nelas. Aguia vai dizer que é meio gay isto mas bom demais quando se acerta no low de alguma delas.

André disse...

Bob, tu gostas de Small??? Dá uma olhadinha no gráfico semanal da PLAS3...um amigo nosso do MI acabou de postar. COISA DO CAPETA !!!